piso laminado ou vinílico

Piso laminado ou vinílico: veja as diferenças e qual escolher

O acabamento do imóvel é essencial para oferecer conforto e maior facilidade no dia a dia. Pisos como piso laminado ou vinílico, são os mais escolhidos para o acabamento dos apartamentos e imóveis mais novos.

Para quem está se mudando para um novo AP ou até mesmo reformando o seu, é importante conhecer e decidir entre piso laminado ou vinílico. Entender a diferença ajudará muito, assim como saber qual é o melhor para cada tipo de ambiente.

Quer conferir as características para tomar a melhor decisão sobre o piso? Dá uma olhada neste artigo!

O que é piso laminado?

Seja pelo apelo sustentável ou devido ao belíssimo acabamento estético, o piso laminado tem ganhado cada vez mais adeptos.

Substituindo as antigas soluções como o parquet, piso de taco, tábua corrida e o assoalho de madeira, o piso laminado também tem a mesma matéria prima.

A principal diferença dele para as opções anteriores é que ele é feito da aglomeração de lâminas de madeira (HDF ou painel de fibras de alta densidade) com um revestimento em diversos tons de madeira.

Para se ter uma ideia, o piso laminado pode ser claro, escuro, imitar uma madeira específica como o carvalho, nogueira, acácia, ipê e até mesmo bambu.

Como é um piso feito em madeira, ele não só conta com a redução do impacto ambiental na sua produção. Ainda mais quando são usadas madeiras de reflorestamento ou reutilizadas madeiras, como as de demolição, como também se torna um aliado para a saúde. Além de ter origem orgânica, a madeira é de um material seco, atuando como isolante térmico.

Mas, é preciso ter maior cuidado com ele. Caso o piso laminado molhe, ele pode deformar. Então, não é a melhor opção para lugares que tem muito contato com água, como a cozinha.

O que é o piso vinílico

Uma opção inovadora de piso para o seu apartamento ou casa é o piso vinílico. Ele é super interessante, pois você pode manter o aconchego da versão laminada mesmo em ambientes como cozinha e até na área externa (desde que coberta, como uma varanda fechada).

Há uma grande variedade de padrões, designs e até mesmo texturas. Além disso, você encontra o piso vinílico nos mais variados preços.

Provavelmente você já viu pisos vinílicos que imitam os mais diversos tipos de pisos em madeira, inclusive o piso laminado.

Entretanto, como ele é composto de um tipo de PVC (cloreto de vinila), você encontra também texturas que imitam outros materiais como granito, mármore e até mesmo cimento queimado.

Apesar de ser mais recomendado do que os pisos em madeira para aplicação em ambientes úmidos como área de serviços ou cozinha, ainda assim o piso vinílico deve ser evitado em ambientes de grande umidade, como o banheiro.

Um produto extremamente durável, esse piso também é considerado antialérgico e dificilmente mancha. Você pode encontrar o piso vinílico em manta, que foi a maneira original como o produto foi desenvolvido.

Mas hoje ainda existem duas outras possibilidades de encontrar o produto no mercado, que é o click (em que umas peças se encaixam nas outras) e o autocolante (que já vem com cola para a instalação no chão).

Como escolher o melhor entre piso laminado ou vinílico?

Se você gostou da ideia de escolher um dos dois pisos para o acabamento do chão da sua construção ou reforma, agora é o momento para descobrir qual deles atende as necessidades da sua família e, claro, das características do seu imóvel, do tipo de ambiente, das condições do chão. Vamos lá?

Piso vinílico ou laminado: vantagens e desvantagens

Primeiro vamos conferir os principais benefícios e alguns problemas que você pode ter ao escolher um destes pisos. Vamos lá?

Piso laminado

Ao apresentar esse acabamento, já enumeramos alguns pontos. Agora, vamos fazer um apanhado para que você possa visualizar melhor as características do piso laminado.

Vantagens:

  • Custo-benefício: o piso laminado tem um custo baixo se comparado aos outros de madeira. Entretanto, ele confere a mesma elegância e conforto dos materiais concorrentes;

  • Instalação limpa: rápido, prático e sem fazer sujeira. O piso laminado evita as quebradeiras comuns na instalação de pisos. Assim, além da agilidade, ainda possibilita uma reforma sem poeira e outras dores de cabeça;

  • Durabilidade: além de não necessitar de acabamentos — como a aplicação de verniz, que normalmente acontece em outros pisos de madeira — o piso laminado tem fabricações para variadas situações. Os que são desenvolvidos para lugares onde tem um alto trânsito de pessoas, por exemplo, tem uma proteção muito maior contra riscos;

  • Versatilidade: os pisos laminados têm os mais diversos modelos para combinar com o seu apartamento. Assim, você escolherá de acordo com o seu gosto pessoal e o estilo do apartamento;

  • Isolamento térmico: assim como todos os pisos em madeira, o piso laminado é um isolante térmico. Isso significa que no calor, a sensação térmica será de um clima mais fresco, e no frio mais quente e aconchegante;

  • Fácil manutenção: ainda por cima, o piso laminado pode ser varrido e também dá para limpar passando um pano levemente umedecido para limpar limpeza. Ou seja, adeus faxina pesada!

Desvantagens:

  • Dificuldade com o sol: pisos laminados podem se deformar se ficarem expostos ao sol;

  • Pouco resistente a pets: cães e gatos podem deixar marcas de unhas facilmente nesse tipo de piso e, caso façam xixi nele, isso pode estragar ainda mais o chão;

  • Problemas com umidade: o problema desse piso não é só com xixi. Água, suco, chá, leite e qualquer outro líquido pode mofar e estragar;

  • Acústica ruim: sapatos com salto ou o simples arrastar de uma cadeira geram um grande barulho.

Piso vinílico

Assim como o piso laminado, o piso vinílico também tem seus pontos fortes e fracos. Dê uma olhada nas qualidades desse tipo de acabamento e quais aspectos você deve observar para não se prejudicar com a escolha.

Vantagens:

  • Está em alta: quando um produto é uma tendência, você tem a vantagem de encontrá-lo na maioria das lojas especializadas. Dessa forma, fica mais fácil conseguir um melhor preço e também encontrar o modelo desejado;

  • É mais barato: se comparado aos pisos laminados, o piso vinílico tem o metro quadrado mais em conta. E esse é um grande benefício, ainda mais porque você pode escolher padrões que imitam o piso em madeira;

  • Não faz barulho: como é feito de uma manta em PVC, o piso vinílico absorve o impacto de passos ou mesmo do arrastar de móveis. Assim, você aproveita um piso com acabamento elegante, sem o toc toc dos sapatos de salto alto;

  • Antialérgico: sendo muito indicado pessoas com alergia a mofo, poeira e também para ambientes infantis, como o quarto das crianças, sala de estudos e quarto de brinquedos. Também é indicado para pessoas com animais de estimação. Ele tende a não acumular tanta poeira quanto os outros pisos;

  • Tem alta resistência: com uma proteção extra para não riscar facilmente, o piso vinílico é ainda mais resistente que o laminado, tanto contra arranhões como também para não se quebrar;

  • Fácil de limpar: aspirador de pó e um paninho úmido, essa é a solução para o chão ficar novo de novo. Um dos maiores benefícios dos pisos em vinílico é justamente o fato da superfície ficar limpa com pouco esforço;

  • Tem de todos os tipos: você não precisa se decidir entre um tipo de madeira ou outro, existem muitos modelos diferentes de pisos em vinílico, inclusive com textura.

Desvantagens:

  • Não é bom para banheiros e áreas externas: mesmo que este piso tenha uma melhor aceitação com a umidade, ainda assim, sua aplicação em ambientes de muito contato com a água pode danificá-lo mais rapidamente;

  • Não protege tanto de riscos: movimentar móveis como cadeiras mais pesadas, um sofá ou eletrodomésticos que não tenham rodízios, provavelmente riscarão o piso;

  • Desbota mais fácil: enquanto o piso laminado pode se deformar com o sol, as superfícies em vinílico podem perder a coloração ficando com outras tonalidades se muito expostas ao sol.

Qual é o preço médio de cada?

A internet é uma boa base para a comparação de preço do piso laminado e o piso em vinílico. Mesmo assim, é recomendado que você dê uma pesquisada nos depósitos, lojas de construção e de acabamento perto de você. Isso porque o valor pode variar bastante.

Enquanto o piso laminado pode variar de 40 a 90 reais o metro quadrado, você encontra modelos de piso vinílico de 20 a 100 reais por metro quadrado.

Já o valor para a instalação do piso costuma ser muito parecida entre eles, variando mais de acordo com a região onde será aplicado. Por isso, vale ir em lojas fazer o orçamento do piso e da aplicação.

Diferenças na instalação

A instalação dos pisos laminado e vinílico são muito parecidas. É preciso que a superfície da aplicação esteja seca, limpa e nivelada. Para acertar um chão com pequenas diferenças, basta aplicar uma massa preparada com cola e cimento.

No caso do piso laminado, ele ainda aceita variações de até 3 milímetros na sua instalação. Isso porque o primeiro passo é a instalação de uma manta plástica regularizadora.

Os dois pisos podem ser instalados por cola ou encaixe. Quando a opção é usar a cola, é importante deixar um espaço nas bordas pois essa substância se expande e contrai de acordo com a temperatura.

Apesar de todas as semelhanças, a principal diferença está na duração para a instalação. O piso laminado costuma ter uma instalação mais rápida que o vinílico.

Limpeza de cada piso

O piso laminado é mais delicado de trabalhar com umidade, mesmo que seja possível limpá-lo com um pano levemente molhado. O ideal para a limpeza do piso vinílico é usar o aspirador de pó e, se necessário, passar um pano úmido.

Ambientes mais adequados para cada tipo

Como o piso laminado é feito de material orgânico, sua instalação na sala de estar, copa e quartos é muito interessante. Além disso, é um piso mais forte contra arranhões (se comparado ao vinílico) e ajuda a regular o clima de maneira mais natural e eficiente.

Já o piso vinílico fica muito bem na cozinha, copa, sala de TV e outros cômodos que têm alto fluxo de pessoas. Como ele é antialérgico, também é uma excelente opção no quarto de bebês, crianças e casas com pessoas que têm alergia, principalmente à poeira.

Conclusão

Como você viu, o piso laminado ou vinílico é um acabamento durável, bonito e com excelente custo-benefício. Se você estiver comprando um apartamento e puder optar pelo chão, ainda é possível mesclar os dois tipos de piso, de acordo com a necessidade de cada ambiente.

Se você gostou dessas dicas, aproveite e confira nosso artigo especial para decoração de quarto de casal. Siga a gente no Instagram, Facebook, YouTube e aproveite para acompanhar um conteúdo de qualidade sobre o assunto.

dicas de decoraçãoPowered by Rock Convert
COMPARTILHAR