controle de orçamento familiar

Controle de orçamento familiar? 4 passos para fazer

Saber como aplicar o dinheiro é muito importante, mas muitas pessoas não sabem avaliar se estão tendo controle de orçamento familiar e acabam passando dificuldades, acontecem atrasos nas contas e até consequências piores, como negativação no Serasa e SPC. 

Se sua família está passando por aquele momento de aperto financeiro e querem ter as finanças sob controle, a AP Ponto listou 4 dicas que podem te ajudar a dar um up e não finalizar o mês no vermelho:

1 – Controle de orçamento familiar: Revisem os seus gastos com frequência

O primeiro passo para ter um orçamento familiar saudável é vocês sentarem juntos e colocarem na ponta do lápis cada gasto que vocês têm. 

Façam isso com uma certa frequência de modo que vire um hábito, pelo menos uma vez por mês e não deixe nenhum detalhe passar. Use uma planilha para fazer organização financeira, é a melhor ferramenta para isso.

Coloquem todas as contas, sendo mensais ou anuais, tais como:

Contas de água, luz e internet;

Alimentação e compras do supermercado;

Planos de telefone;

Gastos com combustível;

IPTU;

IPVA;

Manutenção e limpeza do automóvel;

Aluguel;

Condomínio;

Fatura do cartão de crédito;

Lazer.

2 – Controle de orçamento familiar: Planeje as finanças da família

Após listar todos os gastos e saber a média do valor das despesas, vocês precisam de um plano de finanças. 

Controlar os gastos é uma parte difícil, ainda mais em momentos de crise financeira onde tudo está mais caro. Vocês tem que rever onde podem diminuir, fazer alguns cortes, definir quais dívidas são prioridades e assim vocês podem até conseguir poupar algum dinheiro.

Aqui estão alguns tópicos onde é possível realizar alguns cortes:

Refeições fora de casa e pedidos de comida por aplicativo

Ir a restaurantes é muito bom mas convenhamos que é bem caro. E hoje com a facilidade de pedir comida pelo celular de forma rápida ajudou o delivery a virar um hábito. 

Sua família pode substituir essas duas opções por fazer refeições em casa. Vocês podem olhar as receitas pela internet e fazerem qualquer tipo de prato que sairá muito mais barato, além de se divertirem e cozinharem juntos.

TV por assinatura 

As plataformas de Streaming como a Netflix, Prime Vídeo e Globo Play estão dominando pela grande variedade de filmes e séries por um preço bem acessível. 

Vocês podem optar por assinar uma dessas plataformas e terem um combo simples de TV por assinatura, que estão cada dia mais caros devido ao sucesso das plataformas de Streaming. 

Coloque apenas o necessário, um canal de notícias, um canal de esportes e os canais abertos como a Globo já são mais que suficientes quando se tem assinatura de um Streaming.

Compras por impulso e compras erradas 

Sabe quando vemos algo na internet ou no supermercado que está em promoção ou um preço muito bom e ficamos tentados a comprar? Pois é, avalie se é realmente necessário adquirir aquilo neste momento. 

Outra coisa comum de acontecer é comprarmos algum ingrediente de algum prato que não fazemos com frequência e aquilo fica empoeirando no armário e quando vamos ver já está vencido e temos que jogar fora. 

Melhorar o consumo e não comprar coisas supérfluas irá fazer bem ao bolso da sua família

3 – Controle de orçamento familiar: Estabeleça metas de economias

Quando estiverem colocando o planejamento de gastos em prática, definam metas que irão dar a vocês um norte na economia. 

Coloquem, por exemplo, uma meta mensal como: “Iremos atravessar esse mês sem nenhuma dívida atrasada”. 

E no próximo mês: “Esse mês vamos conseguir guardar 100 reais”. 

Comemorem quando alcançarem seus objetivos (mas sem gastar, viu?), isso lhes darão muito ânimo, e quando virar rotina, quando menos perceberem, terão guardado dinheiro suficiente para trocar o carro, ou fazerem aquela viagem que sempre sonharam.

É importante também terem algum dinheiro reservado para imprevistos, nunca se sabe quando podem precisar de uma ajuda e poderão recorrer ao dinheiro guardado. 

Apliquem todo o saldo positivo que acumularem no final do mês a uma conta poupança ou em investimentos fixos. Você pode conferir aqui tudo sobre investir em renda fixa.

4 – Controle de orçamento familiar: Adaptação

Crises econômicas estão cada vez piores nos últimos anos, o dólar em alta, alimentos caros, etc. 

Ocasiões que exigem muita cautela, que podem causar muitos transtornos e vocês devem estar sempre de olhos ao mercado financeiro.

Por isso, em momentos de crise, não façam nenhum investimento grande, evitem compras de aparelhos eletrônicos caros e procurem economizar ainda mais para não terem nenhuma surpresa desagradável na hora do cálculo dos gastos mensais.

Conclusão

Orçamento dos gastos em família só é eficaz se for utilizado como controle de gastos, você deve revisar periodicamente tudo que ganhou e gastou. 

Fazer essa revisão na verdade é muito simples e não tem nenhum segredo, mas é preciso ser bem rigoroso, não deixar passar nenhum detalhe, coloque até o menor gasto na planilha, só assim dará certo. 

Vocês descobrirão que estão com diversos gastos desnecessários enquanto poderiam converter esse dinheiro em algo que precisam. 

Lembrem-se que os salários mudam, as prioridades mudam, as contas mudam e vocês precisam estar sempre atualizados e alinhados para acompanharem todas essas mudanças. Pode parecer difícil na teoria, mas é mais fácil na prática, acreditem.

Façam disso uma rotina e terão total controle de suas finanças e poderão desfrutar de uma qualidade de vida melhor.

 

planejamento familiarPowered by Rock Convert
dicas sobre finançasPowered by Rock Convert
COMPARTILHAR