comprar-apartamento-ganhando-pouco

Como comprar um apartamento financiado ganhando pouco

Como comprar um apartamento financiado? Esta é uma dúvida que ronda muitos brasileiros que buscam adquirir um imóvel próprio. E mais além: muitos pensam que ganhar pouco é o maior impeditivo para comprar seu apartamento, mas podem estar enganados. E vamos explicar porquê.

A compra de um AP financiado é um processo cercado de opções. Por isso, demanda muitos cuidados e análises, para que erros não sejam cometidos.

Dentre estas opções, encontramos bancos, consórcios ou mesmo o Programa Minha Casa Minha Vida. E este último se tornou uma das formas de financiamento mais populares no Brasil nos últimos anos, por exemplo.

Neste artigo, você irá descobrir como comprar um apartamento financiado e entender como e o que avaliar ao financiar um AP novo e quais os cuidados ter ao longo deste processo. Confira!

Como comprar um apartamento ganhando pouco?

Comprar um apartamento financiado pode ser a solução perfeita para quem ganha pouco mas sonha com a casa própria.

É também uma tarefa mais difícil do que a maioria das pessoas imagina. Afinal, será exigido algum conhecimento sobre o mercado imobiliário e uma certa dose de pesquisa. Além de ser importante conhecer os detalhes das diversas opções de compra financiada.

É por este motivo que muitas pessoas que estão pensando em comprar um apartamento, acabam ficando sobrecarregadas e até um pouco perdidas com a infinidade de opções de financiamento disponíveis no mercado, como consequência, deixam de ir em busca do sonho da casa própria.

Porém, todo o cuidado é preciso nesta etapa para evitar problemas futuros, que poderão custar muito tempo e dinheiro. Veja então as melhores opções para comprar um apartamento financiado.

Financiamento pelo Minha Casa Minha Vida

O Minha Casa Minha Vida é um programa do governo federal brasileiro, implementado em 2009, através da Lei nº 11.977.

O programa foi criado com o objetivo de melhorar a situação habitacional da população do país. Tornando assim mais fácil para muita gente realizar o sonho da casa própria, especialmente para pessoas das classes média e baixa.

O Programa MCMV está disponível para famílias que possuam renda mensal de até R$ 7 mil. Porém, estão disponíveis diversas opções de faixas de renda:

  • Faixa 1: Nesta faixa, o governo concede um subsídio de até 90% do valor de um imóvel novo. As parcelas do financiamento não podem ser maiores do que 10% da renda mensal da família. E o financiamento terá o prazo máximo de 10 anos (120 meses). Para quem se enquadrar nesta faixa, a família interessada deve se cadastrar na Prefeitura de sua cidade.
  • Faixa 1,5: Para esta faixa, o subsídio máximo do governo é de até R$ 47,5 mil e renda de no máximo R$ 2.600,00. E a família ainda poderá ter descontos no seguro do financiamento.
  • Faixa 2: Para esta faixa, o subsídio máximo concedido pelo governo federal é de até R$ 29 mil para famílias com renda de até R$ 4.000,00.
  • Faixa 3: Para esta faixa, o governo federal não concede nenhum subsídio para a compra do imóvel financiado, sendo o teto de renda de R$ 7.000,00. Mas são concedidos descontos no seguro do financiamento. Além das taxas de juros ainda serem bem melhores do que as do mercado.
  • Já para as famílias com renda acima de R$ 7 mil por mês, o programa Minha Casa Minha Vida não está disponível. Mas ainda restam as opções de financiamento bancário normal.

Veja algumas condições para participar do programa:

  • Quem for requerer o financiamento não pode ter um imóvel em seu nome, em qualquer lugar do Brasil;
  • É preciso comprovar a renda, conforme a faixa de renda na qual a sua família se encaixa;
  • Não pode ter restrições de crédito (estar com o nome sujo). Já que haverá consulta aos órgãos de proteção de crédito;
  • Além disso, os imóveis financiados pelo Minha Casa Minha Vida não podem ser alugados ou vendidos.

Para quem busca formas de como comprar um apartamento financiado no Brasil, participar do programa Minha Casa Minha Vida, com toda certeza, é uma das melhores, mais acessíveis e baratas opções de financiamento imobiliário.

Pelos bancos

Além do programa Minha Casa Minha Vida, uma outra opção para quem busca como comprar apartamento financiado no Brasil é através de bancos privados. Como Bradesco e Itaú, ou mesmo de bancos públicos, como o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal.

Em geral, o financiamento de um imóvel oferecido pelos bancos apresenta taxas de juros maiores que os de programas como o Minha Casa Minha Vida.

Além disso, a avaliação de crédito para financiamento imobiliário costuma ser mais rígida, já que as instituições bancárias sempre costumam basear as opções de crédito no score do CPF de quem está solicitando o financiamento.

Através do banco, é possível fazer o financiamento de até 80% do valor do imóvel. Também é possível fazer uso do saldo do FGTS para quitar parte do financiamento. A taxa de juros do banco começa a partir de 10,7% ao ano.

Entretanto, também é necessário dar entrada de, pelo menos, 20% do valor imóvel. Já que, como explicado, financiamentos por bancos tem um limite.

Consórcios

Os consórcios também são uma ótima opção para quem deseja financiar um apartamento. A principal vantagem dos consórcios é a possibilidade de iniciar um financiamento imobiliário, mesmo sem dinheiro para a entrada.

Porém, eles não são recomendados para quem tem pressa de adquirir o imóvel, pois será preciso esperar ser contemplado pelo consórcio. O que pode ser um processo rápido, ou pode demorar anos, já nos meses finais do consórcio. É tudo uma questão de sorte.

Além disso, também é preciso se planejar e ter muito cuidado com o pagamento das parcelas, já que, em caso de inadimplência, você não poderá participar dos sorteios de contemplação e nem dar lances para as cartas de crédito.

O que se deve olhar antes de partir para a compra do AP?

Agora que você já sabe como comprar um apartamento e quais são as opções de financiamento, é preciso saber alguns detalhes que deve checar. Confira:

Apartamento novo ou usado?

Na hora de pensar em como comprar um apartamento financiado, uma grande dúvida que a maioria das pessoas tem é entre comprar um imóvel novo ou usado.

De modo geral, o imóvel novo ou na planta é o melhor negócio. Além de ter condições facilitadas, como adesão ao programa Minha Casa Minha Vida, e a possibilidade de financiar a entrada, o apartamento novo terá maior infraestrutura.

O condomínio de um imóvel novo também tende a ser mais barato, dado que as instalações elétricas, hidráulicas e de gás, por exemplo, são novas e evitam desperdícios.

Procure uma construtora ou imobiliária de confiança

O processo de financiamento não se resume apenas na escolha do imóvel ou na forma de pagamento, mas também a escolha da construtora ou imobiliária durante todo esse processo.

Lembre-se, esse é um processo que demanda cuidado e atenção. Por, ao escolher como comprar um apartamento financiamento, você também deve estar atento para escolher a empresa que irá conduzir o processo com calma.

É importante que você tenha total confiança em sua construtora. Por isso, não tenha medo e peça que a empresa sempre esclareça dúvidas sobre a compra, documentação, pagamento, escrituras e afins. Veja o quanto a empresa está se mostrando disposta a ajudar.

Além disso, verifique a reputação da empresa no mercado em sites como Reclame Aqui. Avaliando como é a relação da empresa com os seus clientes anteriores e como foram resolvidos eventuais problemas.

A AP Ponto, por exemplo, tem uma nota de 8,2 de 10, sendo considerava uma empresa ótima. Todas as reclamações são respondidas, e a grande maioria resolvidas. Nosso índice de solução é de 92,3%, o que mostra que você pode confiar na gente.

Além disso, em nossas lojas, você consegue visualizar o AP decorado através de óculos de realidade virtual e saber exatamente como será o seu próximo cantinho. Então, aproveite, venha nos visitar e tomar um cafézinho com a gente!

Visite o imóvel

Não dá para comprar algo que você nunca viu, não é mesmo? Até para quem vai comprar um imóvel na planta, existem apartamentos modelo decorados pelas construtoras, para que você possa ver uma prévia do que está sendo construído.

Por isso, visite esses espaços. Analise a estrutura do prédio, os recursos que ele possui e confira o máximo de aspectos técnicos e visuais que puder antes de fechar a compra.

Observe a localização e a vizinhança

Outro aspecto importante que você deve analisar é a localização do apartamento, já que provavelmente irá morar neste local por muito tempo.

Veja se nas redondezas existem comércios, escolas e demais serviços úteis para você e sua família, assim como as vias de acesso ao local e as opções de transporte público.

Esses aspectos não influenciam apenas no preço final do apartamento, mas também em sua valorização no futuro. E claro, representa facilidades para a sua vida.

Negocie a entrada

Quando falamos de como comprar um apartamento financiado, um dos maiores desafios é o valor do entrada, que acaba sendo um impeditivo para muita gente.

De modo geral, o ideal é tentar pagar à vista pelo menos 30% do valor do imóvel, porém, todos nós sabemos que ter essa grana em mãos nem sempre é possível.

Por isso, tente negociar o valor da entrada junto à construtora ou banco no qual irá financiar o imóvel. Procure ver quais são as opções disponíveis para reduzir ou mesmo tornar o pagamento da entrada mais facilitado.

No Minha Casa Minha Vida, é possível financiar a entrada em até 36 vezes. Se você quer sair do aluguel e comprar um AP novo, é algo a se considerar.

Veja se as parcelas cabem no bolso

Um dos principais pontos a se atentar, na hora de comprar um imóvel financiado, é o valor das parcelas do financiamento e qual o impacto delas, no seu orçamento familiar.

Os financiamentos imobiliários costumam se estender por alguns anos. Por isso, procure fazer com que as parcelas não comprometam seu orçamento familiar mensal. Para evitar, assim, eventuais atrasos no pagamento do financiamento.

Verifique se pode utilizar o FGTS

O FGTS – Fundo de Garantia por Tempo de Serviço – pode ser uma boa ajuda para pagar o financiamento do seu apartamento. Já que ele é permitido seu uso para a aquisição e financiamento de imóveis.

Mas antes é preciso saber se a financeira ou banco que você deseja fazer o financiamento aceita o FGTS, assim como as condições e taxas de pagamento que envolverão todo o processo

O FGTS poderá ser utilizado para a entrada do financiamento ou mesmo para quitar uma parte dele à vista. A condição para uso do FGTS é não ter nenhum imóvel previamente em seu nome.

Escolha a instituição financeira ideal

Quando se trata de como comprar um apartamento financiado, um dos principais pontos a serem pesquisados e avaliados é a escolha da instituição financeira.

Aqui, avalie a taxa de juros praticada pela instituição para financiamentos imobiliários e as demais condições, taxas e obrigações para a concessão de crédito.

Porém, quando se trata de condições para financiamento, os bancos públicos, através do programa Minha Casa Minha Vida, são aqueles que oferecem as melhores condições do mercado. Tanto em termos de juros, acessibilidade de renda e no que diz a respeito a burocracia reduzida.

Como se organizar financeiramente para comprar um apartamento

Ao pensar em como comprar um apartamento financiado, a organização financeira é um passo fundamental para conseguir financiar um imóvel sem grandes percalços.

Por isso, aí vão algumas dicas para a sua própria organização financeira. Afinal, ela é muito importante antes, durante e depois do processo de financiamento do seu novo imóvel.

Organize suas finanças

Antes de iniciar o financiamento do seu imóvel novo, procure organizar a sua vida financeira. Afinal, o financiamento é mais um compromisso financeiro. E este novo compromisso não poderá se encaixar em uma vida financeira comprometida.

Por isso, organize-se para pagar as suas dívidas pendentes, ou mesmo encaixar o pagamento delas no seu orçamento mensal.

Anote todas as suas despesas e receitas mensais e tome isto como rotina em sua vida. Assim, começará a tomar o controle de sua vida financeira e poderá saber qual o peso de um financiamento imobiliário em sua renda mensal.

Invista tudo o que for poupado

Além de se organizar financeiramente, também é preciso orientar a si mesmo para ser um poupador.

Aqui, estamos falando de procurar cortar gastos desnecessários ou mesmo economizar naqueles aos que não poderá cortar.

E todo esse dinheiro economizado e poupado precisa ser investido. Assim, você irá criar uma mentalidade para economizar e investir tudo o que sobrar ao final do mês.

Procure a melhor forma de pagamento

Ao pensar em como comprar um apartamento financiado, pense sempre na melhor forma de adquiri-lo.

Se tiver o dinheiro em mãos, comprar o imóvel à vista poderá ser uma boa opção. Pois você poderá negociar descontos no valor do imóvel e economizar muito neste processo.

Porém, ter dinheiro em mãos para comprar um AP à vista é a realidade de poucos. Por isso, o financiamento é a opção mais viável para quem quer ter um imóvel próprio.

Para os financiamentos imobiliários, procure aqueles com as menores taxas de juros e com condições mais facilitadas de desconto na entrada, por exemplo. Sempre avalie e opte pelas opções com maior facilidade de pagamento.

Tenha calma na hora de escolher o apartamento

Ao pensar em como comprar um apartamento financiado, não caia no erro de ter pressa neste processo.

A escolha do apartamento ideal não é algo que irá ocorrer da noite para o dia. Tenha calma e avalie as diversas opções. Afinal, a escolha do AP próprio irá ser algo que durará por anos e afetará a vida de toda  a sua família.

Faça uma reserva para eventuais gastos extras

Mesmo em um apartamento novo, eventuais despesas extras podem ocorrer. Desde gastos pequenos, como o reparo de uma torneira, ou mesmo grandes, como a pintura do AP novo.

Por isso, deixe uma reserva financeira para estes gastos extras, que podem ocorrer de maneira nem sempre planejada.

Com esta reserva, você irá evitar entrar em novas dívidas ao querer reformar o seu AP, logo após comprá-lo.

Conclusão

Viu só como é completamente possível comprar um apartamento financiado, mesmo ganhando pouco? Com o Minha Casa Minha Vida, essa é uma realidade cada vez mais próxima.

Ter um lar só seu é muito importante. Afinal, você terá uma segurança maior no futuro, podendo planejar todos os aspectos de sua vida de forma mais assertiva e calma.

Gostou do nosso conteúdo? Aproveite e se inscreva na nossa newsletter para receber mais dicas e sair do aluguel de forma definitiva!

como comprar apartamentoPowered by Rock Convert
COMPARTILHAR